quarta-feira, 18 de novembro de 2020

Nuvem exige plano A, plano B e erra quem não faz recuperação de desastre

                                          


Para Alex Amorim, do Grupo Cogna Educação, acreditar que a nuvem não exige resiliência e contingência é um grave erro. "Desistir da recuperação de desastre por conta da nuvem é uma opção descartada", frisou. Para ele, é preciso entender as regras do jogo nuvem, em especial, no relacionamento com os provedores. "Tem divisão de responsabilidade e ainda temos de conviver com a configuração errada da nuvem. Jogar na nuvem? ok! mas sem cuidado, vai ser uma estratégia bastante arriscada", reforçou.

O CISO da RNP, Emilio Nakamura, diz que segurança exige plano A de contingência e resiliência, mas muito mais do que isso: um plano B organizado e estratégico para ser acionado nas emergências. "Não existem sistemas 100% seguros, mas é possível ter uma resposta rápida aos incidentes. A resposta rápida faz a diferença", observou. 

                                                                 FONTE:CONVERGENCIA DIGITAL

0 comentários: